Brasil

Show

Taylor Swift: ingressos se esgotam em 37 minutos para shows no RJ e em SP

Site recebeu mais de 800 mil acessos em SP e 300 mil no Rio. Novo lote será aberto para venda no dia 12.


Esgotaram-se em 37 minutos os ingressos para shows da cantora Taylor Swift no Rio de Janeiro e em São Paulo colocados à venda na manhã desta sexta-feira (9).

O site em que as entradas foram disponibilizadas chegou a ter fila de mais de 800 mil acessos para as apresentações em São Paulo e 300 mil, para a do Rio de Janeiro. Durante a venda, uma única pessoa pode acessar o site por diversos dispositivos diferentes.

Continua depois da Publicidade

Foto: reprodução

A venda estava disponível apenas para quem tinha cartão C6 Bank Mastercard, e os interessados puderam comprar até 4 ingressos por CPF.

A venda para público geral começa na segunda-feira (12) às 10h.

Os shows, que fazem parte da “The Eras Tour”, acontecem em 18 de novembro no Rio de Janeiro, no estádio Nilton Santos, e em 25 e 26 de novembro em São Paulo, no Allianz Parque.

Além da fila online, fãs também estiveram na bilheteria oficial para tentar garantir um ingresso.

“Cheguei na fila 7h, estava muito frio e já com estimativa de 4 mil pessoas na minha frente. Por volta de 8h os seguranças passaram avisando que a partir do ponto da fila em que eu estava, provavelmente, não conseguiríamos comprar ingresso. Quando abriu a venda, a fila demorou para andar, mas bem devagar. Ainda assim, está todo mundo animado e confiante que vai conseguir ingresso”, afirmou Helena Lourenço.

Expectativa após show ser cancelado na pandemia

Foto: reprodução

Taylor Swift estava com uma turnê marcada em 2020, quando passaria pelo país com a “Lover Fest”. Com a pandemia, toda a turnê foi cancelada.

Esta é a primeira vez que uma turnê da cantora passa pelo Brasil, mas ela já esteve no país para um curto show promocional em 2012. Em setembro daquele ano, ela fez uma apresentação de 40 minutos com seus principais hits e um dueto com Paula Fernandes, em “Long Live”.

Os shows terão abertura de Sabrina Carpenter, que se apresentou no festival Mita deste ano.

Fonte: G1