Guerra

Oriente Médio

EUA realizam primeiro lançamento aéreo de ajuda humanitária em Gaza

Os militares dos EUA usaram neste sábado (02) três aviões militares de carga para lançar mais de 38.000 refeições na Faixa de Gaza pela primeira vez desde o início da guerra Israel-Hamas, disseram autoridades. O Gabinete das Nações Unidas para a Coordenação dos Assuntos Humanitários alertou anteriormente que um quarto da população do enclave está a um passo da fome.


Resumo:

  • A Autoridade Palestina (AP) espera que um cessar-fogo possa ser acordado na guerra de Gaza a tempo para o Ramadã, disse seu ministro das Relações Exteriores neste  sábado (02), acrescentando que a AP seria “a única autoridade legítima” para administrar o enclave após a guerra. Fontes de segurança egípcias disseram que as negociações de trégua em Gaza deveriam ser retomadas no Cairo neste próximo domingo (03).
  • Os líderes mundiais apelaram a uma investigação depois de as autoridades de saúde de Gaza terem afirmado que mais de uma centena de pessoas foram mortas na última quinta-feira (29-02), quando tropas israelenses abriram fogo enquanto civis palestinos buscavam por abastecimento de alimentos durante uma confusão caótica .
  • As forças dos EUA atacaram e destruíram um míssil terra-ar Houthi no Iêmen depois de decidirem que ele representava uma “ameaça iminente” às aeronaves americanas na região, disse o Comando Central dos EUA no Oriente Médio na manhã de sábado.
  • Pelo menos  30.320 pessoas foram mortas e 71.533 feridas em ataques israelenses , de acordo com o Ministério da Saúde em Gaza controlada pelo Hamas, desde que a guerra de Israel em Gaza começou em 7 de outubro. Cerca de 1.140 pessoas foram mortas nos ataques liderados pelo Hamas em 7 de outubro. e 250 pessoas foram feitas reféns, segundo dados israelenses, com 132 ainda desaparecidas.

    Equipe do Hamas vai ao Cairo para novas negociações de trégua