Política

Amazonas

Simão Peixoto reassume prefeitura de Borba e declara guerra e acusa vice de perseguição política

O primeiro ato do mandatário será instalar uma auditoria para fiscalizar as contas da prefeitura no período em que o vice assumiu como prefeito interino.


De volta ao comando da prefeitura de Borba, Simão Peixoto se reuniu com apoiadores na última sexta-feira (8), no Centro de Eventos Braulio Motta, situado naquele município distante 150 quilômetros de Manaus. Ele acusou o vice-prefeito Zé Pedro (PSD) de perseguição política e afirmou durante discurso que pretende instalar uma auditoria para fiscalizar as contas da prefeitura no período em que o vice assumiu como prefeito interino.

Peixoto que não pode se reeleger em 2024 afirmou, ainda, que não votará em Zé Pedro e apontou uma suposta opressão dele direcionada à trabalhadores do município. Segundo ele, a economia não está girando na cidade e muitos moradores têm reclamado da falta de recursos. Na ocasião, ele também chegou a pedir desculpas pelos aos adversários por algumas atitudes cometidas.

Continua depois da Publicidade

Peixoto estava acompanhado da esposa e dos filhos, e reassumiu o cargo de prefeito por ato da Câmara Municipal de Borba. Ele foi reconduzido pelo Tribunal Regional Federal (TRF1) ao cargo, após mais de três meses de afastamento.

Operação Garrote 

Simão foi alvo da ‘Operação Garrote’ do Grupo de Atuação e Repressão ao Crime Organizando (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM).

Prefeito Simão Peixoto – Foto: reprodução

A ação investiga uma organização criminosa suspeita de desviar recursos públicos no município de Borba.

Além do prefeito, que é acusado de chefiar o grupo, também foram investigados familiares, empresários e agentes públicos envolvidos em crimes como corrupção e lavagem de dinheiro. As investigações apontaram indícios de um desvio estimado em R$ 29,2 milhões de recursos de Borba, sem licitações.

Em votação na Câmara Municipal de Borba, os vereadores rejeitaram a cassação de Peixoto. No retorno ao cargo, apoiadores do prefeito de Borba o acompanharam em carreata pela cidade, e levaram cartazes para desejar as boas-vindas.

Com informações do AM Post